domingo, 9 de dezembro de 2018

Fim da farra: Após a posse de Bolsonaro, Lula irá para um presídio

Desde a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o país assiste a um cidadão, mesmo na condição de presidiário, receber um tratamento diferenciado e extremamente privilegiado em relação aos demais cidadãos brasileiros, na mesma situação.
Lula conseguiu a proeza de comandar uma campanha eleitoral de dentro do xilindró, recebendo semanalmente um candidato a presidente da República - travestido de advogado – e inúmeras outras figuras, inclusive a própria presidente da legenda denominada PT, hoje sabidamente uma articulada Organização Criminosa.

A partir do próximo ano, com a posse de Jair Bolsonaro, essa mamata finalmente vai acabar.
Diz a coluna Radar da Revista Veja, que o presidente eleito tem reiterado aos mais próximos, que quer que Lula seja transferido para uma prisão do Exército, tão logo tome posse em janeiro.
Certamente, num presídio militar, o petista ainda terá um tratamento diferenciado, em função da condição de ex-presidente da República, mas com certeza cessarão as frequentes e impertinentes visitas e as constantes algazarras de seus ‘comparsas’.

Um comentário:

  1. Lula já devia esta preso numa cela a pão e água, esse ladrão quase acabou com o Brasil. Se deixasse mais tempo ele transformava o Brasil numa venezuela. Dilma era uma marionete só fazia o que ele mandava até mesmo pq e burra demais pra tomar atitude.

    ResponderExcluir